Situações etnográficas sobre gestão de esporte no lazer, no alto-rendimento e no universo fitness: experiências e contribuições do GESEF/PPGCMH/UFRGS

Autores

Palavras-chave:

Etnografia, Gestão, Esporte, Lazer, Fitness

Resumo

Objetivo: o objetivo do artigo é descrever e analisar, ainda que brevemente, situações etnográficas investigadas por membros do Grupo de Estudos Socioculturais em Educação Física/Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, destacando algumas contribuições das pesquisas nos debates concernentes à gestão, na perspectiva das Ciências Humanas. Metodologia: trata-se de uma revisão das pesquisas desenvolvidas com base em 13 dissertações/teses, cujas investigações envolveram a realização de pesquisas etnográficas em situações de gestão do esporte e de atividades físicas. Resultados: a descrição das experiências está sistematizada com base na apresentação dos objetivos gerais dos estudos, na construção das situações etnográficas (de lazer e participação; de formação para o/e alto-rendimento; de trabalho no universo fitness) e no destaque de contribuições para os debates da gestão. Considerações Finais: com base no que foi sistematizado e analisado, concluímos que, na interface com as Ciências Humanas, o Grupo tem contribuído com produções que podem ampliar as compreensões acerca da gestão, construindo sua autoridade etnográfica de diferentes modos (abordagens interpretativas, de relações de poder e pragmáticas).

Biografia do Autor

Leonardo Silva de Lima, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Possui graduação em Educação Física Licenciatura Plena pela Universidade Federal de Santa Maria (2004), mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Maria (2007) e mestrado em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2021). Tem experiência na área de Educação Física, com ênfase em Atividades Físicas, atuando principalmente nos seguintes temas: gestão esportiva, fitness, academias, personal training, sociologia, redes digitais e pesquisa. É membro do Grupo de Gestão em Educação Física e do Grupo de Estudos Socioculturais em Educação Física. Atualmente é doutorando no Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano (PPGCMH) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2021-2024).

Marilia Martins Bandeira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora adjunta da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) desde o segundo semestre de 2019. Foi professora adjunta da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), no campus avançado de Governador Valadares, desde o segundo semestre de 2016. No primeiro semestre do mesmo ano, foi professora colaboradora da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). Defendeu o doutorado em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) no início de 2016, com estágio de pesquisa na Universidade de Waikato/Nova Zelândia (2015). Em 2012, concluiu mestrado em Antropologia Social pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Em 2007, cursou pós-graduação lato sensu em Comunicação Social pela Fundação Cásper Líbero. É bacharel (2006) e licenciada (2008) em Educação Física pela Universidade de São Paulo (USP) com bolsa Cnpq de Iniciação Científica (2004-2005) derivada de sua participação no Centro de Estudos Socioculturais do Movimento Humano (EEFE/USP). Atualmente é membro do Grupo de Estudos Socioculturais em Educação Física (GESEF/UFRGS), do Núcleo de Estudos Educação Física, Corpo e Sociedade (NECOS/UFJF-GV) e do Grupo de Estudos e Pesquisa em Políticas Públicas e Lazer (GEP3L/Unicamp). Interesses de pesquisa: antropologia do corpo; estudos do lazer; sociologia do esporte; metodologia da pesquisa qualitativa; práticas corporais e gênero, interculturalidade e natureza.

Raquel da Silveira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Possui graduação em Educação Física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004), mestrado em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2008) e doutorado em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2016). Atualmente é docente da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Tem experiência na área de Educação Física, com ênfase em Educação Física, atuando principalmente nos seguintes temas: lazer, ciência, lutas.

Mauro Myskiw, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Graduado em Educação Física pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (1999), mestre em Ciência do Movimento Humano pela Universidade Federal de Santa Maria (2003), mestre em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2006), doutor em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professor Adjunto da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano (PPGCMH/UFRGS). Desenvolve estudos nas áreas de gestão e políticas públicas de esporte e de lazer.

Downloads

Publicado

2024-05-22

Como Citar

Silva de Lima, L., Martins Bandeira, M., da Silveira, R., & Myskiw, M. (2024). Situações etnográficas sobre gestão de esporte no lazer, no alto-rendimento e no universo fitness: experiências e contribuições do GESEF/PPGCMH/UFRGS. Revista De Gestão E Negócios Do Esporte, 7(2). Recuperado de http://rgne.org.br/index.php/home/article/view/136

Edição

Seção

Artigos